jump to navigation

TV Digital: Indústria do setor resiste à produção local de conversores 28/11/2009

Posted by agavina in Tv Digital.
Tags:
trackback

No esforço para convencer fabricantes a investirem no mercado de conversores para a TV Digital,a Casa Civil e a Suframa reuniram empresários brasileiros para uma apresentação de cinco plataformas produzidas por multinacionais. Como não se materializou a promessa de que a escolha do padrão japonês traria ao país a fabricação de semicondutores, a aposta é na montagem dos conversores, a partir de desenhos importados, com vistas a equipamentos que custem cerca de R$ 120.

Apesar de certa resistência de alguns dos convidados, receosos de uma apresentação conjunta, ST Microeletronics, NXP, Intel, Broadcom e a indiana Piqqual mostraram seus “pacotes” para uma pequena plateia de empresas com presença no Brasil, especialmente do Pólo Industrial de Manaus, durante a Feira Internacional da Amazônia – Fiam 2009.

Todos apresentaram plataformas que, garantem, respeitam as características do padrão nipo-brasileiro, com destaque para a interatividade, por valores entre US$ 30 e US$ 55 – de R$ 50 a US$ 95, aproximadamente. “Estamos interessados, agora vamos ver como as conversas evoluem. A US$ 35 é viável”, diz Roberto De Raphael, dono da Pop Technology, que fabrica principalmente terminais eletrônicos para bancos e empresas aéreas.

De Raphael não deixou de notar que havia muito mais lugares vagos que ocupados no auditório da Superintendência da Zona Franca de Manaus. “É incrível que os cinco principais grupos de desenvolvedores do mundo atraiam uma presença tão pequena de empresários”, diz ele, para em seguida concluir: “As grandes não têm interesse e acho que é porque a margem com televisores é bem maior”.

Os organizadores afirmam que 26 representantes de diferentes empresas assinalaram participação no encontro. Da parte do governo, se cinco delas fecharem negócio, é sucesso – e, pelas contas, ao menos duas, além da Pop, pretendem aprofundar as conversas com os desenvolvedores. Mas André Barbosa, da Casa Civil, também aponta para a preferência dos fabricantes nacionais pelos televisores com conversor embutido como limitador da expansão da TV Digital no país.

Mais informações em: http://www.convergenciadigital.com.br/cgi/cgilua.exe/sys/start.htm?infoid=21138&sid=7

Anúncios

Comentários»

No comments yet — be the first.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: